Quem cuida também precisa de cuidado 28 jun 2017

O verbo cuidar em português significa atenção, cautela, desvelo, zelo. Nesse sentido, cuidar e ser cuidado são existenciais para o ser humano. Quando nascemos, somos rodeados de cuidados especiais, e quando envelhecemos, muitas vezes, precisamos ser acolhidos por aqueles que um dia cuidamos. Em algum momento da vida, os papeis podem ser invertidos ou algum familiar ou pessoa querida pode precisar dos nossos cuidados.
No entanto, cuidar de alguém nem sempre é uma tarefa fácil e pode levar ao estresse e aos desgastes emocionais, provocando rompimentos familiares e afetivos, brigas desnecessárias e adoecimentos. Por isso, a importância de acolher da melhor forma possível as pessoas que se dedicam aos outros, promovendo a saúde de ambos.
No Brasil e no mundo, uma grande parte dos cuidadores não recebe remuneração, ou seja, cuida de forma voluntária, por dedicação a um ente idoso ou querido. Cuidar é sempre um gesto de solidariedade. Por isso, o Hospital Bom Jesus de Congonhas selecionou algumas dicas para ajudar quem tanto nos ajuda:
– Reconheça que o descanso é fundamental para o equilíbrio emocional. Procure apoio na família e nos amigos para garantir a divisão de tarefas e um descanso tranquilo;
– Aprenda um pouco mais sobre a doença com a qual está lidando. Você vai se sentir mais confiante na hora de tomar decisões;
-Recorra a grupos de apoio, terapeutas, psicólogos, assistentes sociais, organizações religiosas, meditações, sempre que necessário. Você também precisa de cuidados físicos, emocionais e espirituais. Saiba: não estamos sozinhos;
– Reserve um tempo para atividades físicas. Você precisa repor energias também por meio de uma alimentação saudável;
– Saiba que não somos perfeitos. Faça o seu melhor, se possível com bom humor.